Boa notícia para os apainonados pela Mocidade Independente de Padre Miguel. Nos próximos dias, os torcedores da Estrela Guia contam com uma loja virtual para comprarem produtos da escola de coração.

“Esse era um dever nosso com toda a torcida. Um desejo antigo do presidente Flávio. Sabíamos da dívida e agora vamos começar um novo momento de aproximação com o Independente. Sabemos do potencial que a Mocidade tem em nível nacional e até em países como Argentina e Portugal, por exemplo. Por isso, queremos estar próximos atendendo com nossos produtos a todos que quiserem consumir a Estrela Guia. É um projeto que vem para reforçar a nossa marca, mas sem dúvida alguma, trazer um faturamento incremental para o dia a dia da escola também”, explicou Bryan Clem, diretor de marketing.

A escola projeta diversos materiais clássicos que o torcedor já consome, como camisas, boné e ainda promete novidades. “Vamos trabalhar com o enxoval clássico que o torcedor já está acostumado e quer consumir na loja oficial da Escola, mas também trazer o nosso posicionamento de inovação e vanguarda em algumas linhas. O torcedor pode esperar muita novidade em diversas categorias”, assegurou Bryan Clem.

Perguntado qual será a grande aposta da loja virtual, o diretor de marketing da Mocidade revela: “Será em uma linha que visa trazer as tendências da moda casual para a realidade de uma escola de samba. Vamos ter algumas linhas focadas nos jovens. Nossa missão é rejuvenescer essa base consumidora e fazer com que a gente esteja na briga pelo hábito de compra deste público, que hoje ainda nem considera usar produto licenciado ligado ao carnaval”.

Inicialmente, a escola fará a entrega por intermédio dos Correios. “Para esse primeiro momento usaremos os métodos clássicos de envio como Correios. Mas, já estamos em conversas para usar ferramentas como compre e retire em pontos para deixar o mais prático e rentável ao nosso torcedor”.

Sobre a importância de chegar no virtual com os produtos da escola, Bryan Clem cita o trabalho realizado todos os meses do ano e que geram custos. “Uma escola funciona o ano inteiro. Claro que as sazonalidades ajudarão demais nas vendas, mas termos uma fonte incremental de renda que fomente todo ano é sempre um fator agregador ao nosso fluxo. A nossa missão como marketing é tentar buscar novos negócios para a realidade da agremiação”.

Leia a sinopse do enredo da Mocidade para o Carnaval 2024

Leia mais tópicos com o diretor de marketing da Mocidade

Ajuda para produção do desfile
“Como vocês sabem, uma escola funciona o ano inteiro. Claro que as sazonalidades ajudarão demais nas vendas, mas termos uma fonte incremental de renda que fomente todo ano é sempre um fator agregador ao nosso fluxo. A nossa missão como marketing é tentar buscar novos negócios para a realidade da agremiação”.

Marketing online e redes sociais na Mocidade
“Nós tínhamos duas grandes missões prioritárias com o torcedor: loja on line e fomentar o Youtube. A primeira já foi. Agora, vamos focar na segunda e já temos muita coisa em produção. A chegada do Zé Paulo Sierra agregou demais nisso. É um profissional super antenado e vai ajudar demais com nosso projeto audiovisual para o canal oficial da escola. Já nas redes sociais, a nossa missão é seguir na vanguarda para contribuir não só aos Independentes, mas também ao carnaval como um todo. Sabemos da responsabilidade de termos vencido por dois anos seguidos o prêmio de melhores do ano e continuamos trabalhando muito para manter o posto de referência no segmento”.

Área do marketing e digital no carnaval
“Nós evoluímos muito nos últimos dois anos. Todas as escolas buscaram investir cada vez mais em profissionais capacitados para desenvolvimento da área. As mudanças no modelo de negócio da Sapucaí como um todo são ótimos termômetros para seguirmos juntos na busca de novas parcerias. A nossa grande missão é expandir ainda mais novos negócios. Monetizar as redes sociais, fazer com que grandes empresas, enfim, enxerguem o valor da nossa cultura e que aqui podemos também ser alicerces de planos de marketing. Uma escola pode entregar conteúdo, ações, base de dados, pois aqui temos consumidores fiéis, alcance e muita gente boa por trás querendo fazer acontecer”.

Zé Paulo: ‘Quesito Harmonia mudou completamente, ele é agora toda julgado na parte musical’