InícioSão PauloFenomenal! Primeira da Cidade Líder dá ‘salgueirada’ em ensaio técnico histórico

Fenomenal! Primeira da Cidade Líder dá ‘salgueirada’ em ensaio técnico histórico

A Primeira da Cidade Líder realizou no domingo seu único ensaio técnico previsto na temporada, em preparação para os desfiles do Carnaval 2023. O principal destaque do ensaio foi um elemento do quesito Evolução que provavelmente não será visto no desfile oficial, mas que entrará para a história do Carnaval só pela ousadia da aposta feita. A Líder será a quarta escola a desfilar pelo Grupo de Acesso II, no dia 11 de fevereiro, com o enredo “70 anos de uma escola diferente. Lá vem Salgueiro!”.

Comissão de frente

Em uma dança de duas passagens do samba de duração, a comissão de frente da Líder veio formada por 14 dançarinos caracterizados como malandros do Morro do Salgueiro. Em uma apresentação marcada pelo gingado digno da boemia carioca, o grupo fez referência a vários dos nove títulos conquistados pela Vermelho e Branco da Tijuca. A sincronia de movimentos estava caprichada, e serviu como amostra do espetáculo que viria pela frente.

Fica uma observação importante, porém. Antes mesmo da comissão chegar ao primeiro módulo, uma dançarina do grupo teve um problema com sua roupa. A jovem precisou pensar rápido, e com ajuda de funcionários que trabalhavam no camarote em frente conseguiu um pedaço de fita de isolamento para improvisar um cinto para retornar à pista. Jogada esperta, que rendeu aplausos de quem viu seu esforço.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira

Que apresentação! O primeiro casal da Líder, formado por Fabiano Dourado e Sandra de Jesus, demonstrou em sua dança grande habilidade e sincronia. A felicidade em defender o pavilhão Azul e Amarelo era explicita nas suas expressões, com destaque para o sorriso contagiante de Fabiano, que não saía de sua boca mesmo durante os giros. A dupla foi muito aplaudida pelo público presente durante a passagem da escola.

Harmonia

Faltam palavras para definir o que foi a harmonia da Primeira da Cidade Líder. Com postura de escola do Grupo Especial, a comunidade cantou o samba a plenos pulmões, formando um coral primoroso junto ao time de canto e a bateria “Batucada de Primeira”. Os componentes brincaram o carnaval na sua essência durante a passagem pela Avenida.

Evolução

Escola passou inteira pelo meio da bateria. Está certo que provavelmente o regulamento não permite tamanha ousadia, mas o momento entrará para a história dos ensaios técnicos do carnaval de São Paulo. Os ritmistas da “Batucada de Primeira”, que vieram logo atrás da Comissão de Frente, pararam em frente ao recuo da bateria, que no Anhembi fica bem no meio da Avenida, mas ao invés de entrarem no recuo, o grupo foi simplesmente dividido em dois e abriram um espaço no centro. Por esse espaço, literalmente todo o restante da escola passou pelo meio da batucada da Primeira da Cidade Líder, que mesmo assim continuou a praticar as incontáveis bossas e paradinhas com referências explícitas a momentos consagrados do carnaval carioca, como foi o caso da batida “funk”, que foi febre nos anos 90 na Marquês de Sapucaí.

Em questão de andamento, a Líder foi impecável até este momento. A partir daí, largaram mão de se preocupar com o relógio, e “salgueiraram” durante todo restante da passagem, brincando o carnaval e ignorando completamente o tempo estourado em vários minutos. Coisa linda de se ver.

Samba-Enredo

Falando em “salgueirar”, o que foi esse desempenho do samba e do carro de som da Primeira da Cidade Líder? Monumental! O samba até parece que foi escrito pela própria escola carioca nos seus melhores tempos. Uma obra fácil de cantar, que começa fazendo referência a três dos maiores carnavalescos da história e que passaram pela Academia do Samba. A primeira parte é um verdadeiro carinho no ego da homenageada, com referências diretas à comunidade e à africanidade salgueirenses.

Do refrão do meio até o final, é pura referência aos nove títulos que marcaram a história do Salgueiro, mas todas elas encaixadas da forma mais genial possível. Destaque para o versos “E no Tambor da Academia, Chica da Silva foi meu apogeu”, que é cantado no mesmo ritmo do refrão principal do título mais recente da homenageada, de 2009. Com certeza um dos melhores sambas do ano no Grupo de Acesso II, e que funcionou perfeitamente neste ensaio histórico.

Outros destaques

O que não foi destaque no ensaio da Primeira da Cidade Líder? Antes mesmo de entrar na Avenida, o intérprete Thiago Melodiah pediu a namorada em casamento. A bateria “Batucada de Primeira” parece que encarnou o espírito da bateria do Salgueiro, a “Furiosa”, e fez uma das melhores apresentações de toda temporada 2023 de ensaios técnicos. Muitas bossas, apagões, paradinhas clássicas com referências explícitas aos ritmistas do Rio de Janeiro. O conjunto do ensaio em si foi brilhante em todos os aspectos. É como se a escola estivesse fazendo deste ensaio seu próprio “desfile das campeãs”.

Se a Primeira da Cidade Líder irá ganhar o Carnaval 2023 do Grupo de Acesso II, ninguém sabe. A única certeza que é de que, ao fecharem os portões da sua apresentação no dia 11 de fevereiro, o público estará em êxtase, e a escola nem precisa fazer 100% do que fez neste domingo para isso. Apenas venha, Líder. Aguardaremos ansiosamente por sua passagem.

- ads-

Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues assumem Comissão de Harmonia no Arranco

Para o Carnaval 2025, o Arranco contará com uma Comissão de Harmonia formada por Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues. Jackson Carvalho começou sua...

Vizinha Faladeira será homenageada com conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto

No próximo dia 23 de abril, a histórica Associação Recreativa Escola de Samba Vizinha Faladeira, uma das pioneiras no cenário do carnaval carioca, terá...

Jorge Silveira exalta preparação da Mocidade Alegre para ganhar duas categorias no Estrela do Carnaval: ‘São Paulo cada vez mais competitivo’

Em 2024, a Mocidade Alegre foi bicampeã do Grupo Especial do carnaval de São Paulo, conseguindo unir beleza e facilidade de leitura para tratar...