InícioSérie OuroImpério da TijucaBaianas do Império da Tijuca homenageiam Iemanjá e Oxum

Baianas do Império da Tijuca homenageiam Iemanjá e Oxum

Fantasia apresentou tons de azul, dourado e branco

O Império da Tijuca trouxe para a Marquês de Sapucaí a história de vida de Lia Itamaracá, destacando a negritude e a religiosidade do povo negro. A primeira ala, representando a mãe das águas, homenageou Iemanjá e Oxum, com as baianas reverenciando essas divindades em uma fantasia linda em tons de azul, amarelo, dourado e branco que carrega a imagem de Nossa Senhora.

Isabel Gil Caetano, de 64 anos e 25 anos de pavilhão, expressou em entrevista ao site CARNAVALESCO sua alegria com a fantasia das baianas este ano, ressaltando sua devoção a Nossa Senhora e Iemanjá.

“É uma coisa mais linda, eu sou muito devota de Nossa Senhora, de Iemanjá também, então quer dizer, eu estou me sentindo bem. Espero que a minha escola suba, estou aqui com prazer, já são 25 anos que eu estou na escola e é o meu prazer estar aqui”, disse.

A escola desfilou cirandando para revelar as vivências culturais da pernambucana Maria Madalena Correia de Nascimento, a maior cantora de ciranda brasileira.

“É uma emoção, o enredo todo é uma emoção, então representar a Nossa Senhora é emocionante demais, é um gostinho a mais. Ser baiana já é um gosto a mais, representar a Nossa Senhora é muito mais, principalmente porque ele está inserindo no contexto que a ciranda é uma dança que remete às ondas do mar. Então faz essa mescla e dá aquela aquecidinha no coração. É a primeira vez que eu desfilo, mas eu sempre gostei do Império, sempre torci, só que nunca desfilei e eu estou muito animada, a ansiedade já passou e eu acredito que pelo que a escola se preparou, a gente vai lá para as cabeças, a gente vai lutar pelo primeiro lugar. A empolgação da comunidade, o chão está cantando forte”, comentou Daniela Monteiro de 35 anos.

Jane Silva de 64 anos que desfila há muitos anos no Império, também contou um pouco sobre a emoção do Carnaval de 2024: “É um prazer fazer tudo isso pela escola e por vocês também e pelo nosso Carnaval, pelas nossas escolas. É maravilhoso, é gostoso, é lindo, já venho desfilando na Império várias vezes, de Baiana, de Ala, mas realmente é gostoso, é show, maravilha mesmo“, concluiu.

- ads-

Elogiado e recomendado no passado por Laíla, Marquinho Marino fala da chegada na Beija-Flor: ‘sei do tamanho e magnitude’

Considerado um dos melhores diretores de carnaval do Rio de Janeiro, Marquinho Marino chegou na Beija-Flor. Em entrevista especial para o site CARNAVALESCO, ele...

Após sexto lugar, componentes da Vila Isabel estão de cabeça erguida, cientes dos décimos perdidos no casal e prometendo disputar o título em 2025

A Vila Isabel terminou o Carnaval de 2024 em sexto lugar. A escola apostou na rredição de "Gbalá - Viagem ao templo da criação"....

Casinolobster: Os melhores casinos do Brasil

Os jogos de cassino têm se tornado cada vez mais populares no Brasil, e com isso, surgem diversas opções de cassinos online para os...