InícioGrupo EspecialTinga sobre possível reedição na Vila Isabel: 'Vamos fazer com que fique...

Tinga sobre possível reedição na Vila Isabel: ‘Vamos fazer com que fique lindo para os dias de hoje’

Sobre as possibilidades abertas pelo próprio presidente da Vila, Luiz Guimarães, em apostar em uma reedição para 2024, o intérprete apontou estar preparado em todas as possibilidades para ajudar a escola do bairro de Noel

Eleito pelo Estrela do Carnaval como melhor intérprete, Tinga, mais uma vez, foi fundamental para que o samba da Vila Isabel crescesse e fosse um grande artifício para impulsionar o grande desfile. Sobre as críticas que a obra recebeu no pré-carnaval, Tinga falou que o que vale mesmo é quando a escola entra na Sapucaí.

Foto: Nelson Malfacini/Site CARNAVALESCO

“Tem que esperar a hora certa, o momento certo. O samba no ensaio técnico já era o sucesso. A comunidade gostou do samba, isso que é o mais importante, pois são eles que desfilam e carregam a Vila Isabel. O ensaio técnico já mostrou que o samba era muito forte. E no desfile só foi a consagração desse trabalho maravilhoso. E as pessoas tem que esperar realmente o dia do desfile para poder julgar, falar do samba. Normalmente se quer julgar o samba antes do desfile. Nós mostramos para ele que não se pode julgar antes do desfile. Porque o samba acontece na Avenida e fica um alerta para os julgadores “, afirma o cantor, em entrevista no sábado das campeãs.

Sobre o décimo que foi retirado em harmonia, mas descartado, o cantor discordou e ressaltou que o canto da Vila foi um dos melhores do carnaval.

“Discordo muito, a escola estava cantando demais, do começo ao fim. Eu já assisti o desfile já umas trinta vezes. Do começo ao fim a escola estava feliz, cantando forte. Acho que junto com o do Mangueira foram os sambas mais cantados aqui na Avenida. Discordo totalmente desse 9.9”, entende Tinga.

Sobre as possibilidades abertas pelo próprio presidente da Vila, Luiz Guimarães, em apostar em uma reedição para 2024, talvez, “Gbala” ou “Raízes”, o intérprete apontou estar preparado em todas as possibilidades para ajudar a escola do bairro de Noel.

“O que vier da escola a gente está preparado para sempre ajudar a escola. Se for uma reedição a gente vai fazer com que ele fique lindo para os dias de hoje. Vamos ter que transformar só um pouquinho, porque hoje é um pouco mais acelerado, bateria toca mais para frente. São muito componentes para passar na Avenida, com muita alegria, para o samba ficar mais alegre. Se for mesmo uma reedição estamos preparados para fazer um grande desfile mais uma vez”, conclui o artista.

- ads-

Darlin Ferratty é a nova rainha de bateria da Inocentes de Belford Roxo

A Inocentes de Belford Roxo anunciou nesta quinta que Darlin Ferratty é a nova rainha de bateria para o Carnaval 2025. Veja abaixo a...

Com lema de ‘ser feliz’, casal da Dragões comemora prêmio de ‘Melhor Casal de SP em 2024’

O casal Rubens de Castro e Janny Moreno é sinônimo de simpatia na avenida, assim como são nas entrevistas com a imprensa. Com um...

Paraíso do Tuiuti realiza feijoada no dia de São Jorge

O feriado pelo dia de São Jorge será de celebração na quadra do Paraíso do Tuiuti. Na próxima terça-feira, 23, a partir das 14h,...