Foto: Reprodução de TV

O prefeito Eduardo Paes compareceu na noite desta segunda-feira na Cidade do Samba onde participou de uma plenária ao lado dos dirigentes das 12 escolas do Grupo Especial e do secretário do planejamentos fazenda, Pedro Paulo. No encontro o mandatário municipal confirmou a realização dos desfiles em abril de 2022, e cobrou a manutenção dos profissionais das agremiações, mesmo com o adiamento dos desfiles.

Ao final da plenária, o diretor de marketing da Liesa, Gabriel David, conversou com o CARNAVALESCO sobre o que foi discutido com o prefeito e os próximos passos da entidade para a realização dos desfiles daqui cerca de 90 dias.

“Não existe se tiver desfile. Vai haver. Esse foi o diálogo nosso com o poder público. Não é a decisão que gostaríamos de tomar. Mas fatores comerciais e sanitários infelizmente nos forçou a tomar essa decisão. Tão logo as obras do Sambódromo estejam concluídas poderemos seguir com o planejamento”, explicou.

O jovem dirigente preferiu observar com um prisma otimista o adiamento dos desfiles e declarou que com a festa acontecendo em abril, os ensaios técnicos irão acontecer em março.

“Definimos muita coisa. Existem vantagens. Teremos um pré-carnaval nos moldes tradicionais. Vamos realizar os ensaios técnicos a partir de março, isso está praticamente sacramentado. Se por um lado tivemos esse adiamento, por outro o nosso pré-carnaval vai acontecer normalmente. Hoje não há protocolo que impeça ensaios de rua. O que houve foi um pedido”, afirmou.

Gabriel também abordou a questão do relacionamento da liga com os consumidores que já adquiriram ingressos para os desfiles em fevereiro.

“O prefeito garantiu os desfiles não só aqui como na nossa última reunião. Dia 20 de abril começam os desfiles de 2022. Todos os ingressos comprados são válidos para as novas datas. Os perdidos de informação na central de vendas da Liesa de pessoas que não poderão comparecer nas novas datas tem sido um percentual mínimo. Os camarotes é que estão com uma demanda um pouco maior”, explicou.

O diretor de marketing da Liesa se disse surpreso com a escolha das mesmas datas pela Liga de São Paulo para os desfiles do Grupo Especial. Gabriel acredita que as datas possam ser revistas para evitar conflitos. Ele também abordou a situação da rede hoteleira com as novas datas.

“A rede hoteleira ficou feliz com as novas datas. Os hotéis do Rio são flexíveis em relação a realocação de reservas. Sobre o posicionamento de São Paulo ficamos surpresos pois havíamos alinhado juntos as novas datas. Respeitamos o espetáculo de São Paulo e esperamos que sejam revistas as datas que eles divulgaram”.

Gabriel David elogiou a condução do prefeito Eduardo Paes e afirmou que o chefe do executivo municipal fez um apelo pela manutenção dos profissionais dos barracões até os desfiles.

“Os repasses da prefeitura estão confirmados. E o prefeito fez um pedido pela manutenção dos profissionais. A Cidade do Samba seguirá funcionando. Não gostaríamos de ter tomado essa decisão de adiar mas já que foi necessário a gente garante a manutenção dos profissionais. O prefeito foi muito parceiro nesse sentido. Nos próximos dias vamos divulgar o que vamos fazer nos dias de carnaval”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui