InícioGrupo EspecialJustiça exige 24 horas para entrega de documentação para evitar interdição do...

Justiça exige 24 horas para entrega de documentação para evitar interdição do Sambódromo

A Justiça do Rio, através da juíza Mirela Erbisti, da 3ª Vara de Fazenda Pública do Rio de Janeiro, determinou que seja apresentada em 24 horas a documentação do Corpo de Bombeiros para evitar que o Sambódromo da Marquês de Sapucaí seja interditado. Ao site G1, o coronel Leandro Monteiro, comandante-geral dos bombeiros, lembrou que foi assinado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre Riotur e os Bombeiros para regularização da documentação, mas que os documentos não foram entregues pelo órgão municipal.

A Liesa emitiu um pronunciamento sobre a questão: “A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio (Liesa) comunica que, até às 20h desta sexta-feira, não foi intimada de qualquer decisão judicial acerca do Sambódromo do Rio. Uma vez que isso aconteça, a entidade se manifestará em juízo e, se necessário, se comunicará com o público a respeito”.

Estão programados para o fim de semana os ensaios técnicos da Série Ouro e do Grupo Especial. A Prefeitura do Rio ainda não se pronciou sobre a possível interdição. No sábado ensaiam: União de Jacarepaguá, Acadêmicos de Vigário Geral, Unidos de Padre Miguel e Unidos Porto da Pedra. No domingo a Mocidade e a Mangueira.

Em fevereiro de 2022, a Prefeitura do Rio entregou as obras de melhorias no Sambódromo. Além da troca do asfalto da pista dos desfiles, foi feita toda readequação pedida pelo Corpo de Bombeiros, além de impermeabilização de setores das arquibancadas. Após dez anos, a pista dos desfiles das escolas de samba foi totalmente recapeada. Foram aplicadas mais de 1.850 toneladas de massa asfáltica. Além disso, o número de caixas de ralo mais do que dobrou: dos 33 existentes, passou para 70.

“O Sambódromo, pela primeira vez, terá o certificado dos Bombeiros. Só de imaginar que passou tantos anos sem isso é um absurdo. A Sapucaí passou por uma reforma importante, com a recuperação da estrutura. Toda recuperação e fresagem da pista. Estamos trocando a iluminação, terá uma iluminação cênica. O Sambódromo está pronto. A partir de março começam os ensaios técnicos”, afirmou o prefeito na época.

- ads-

Flávio Campello celebra prêmio Estrela do Carnaval de 2024 da Tom Maior: ‘Nossa escola tem uma alma guerreira’

No carnaval de 2024 a Tom Maior realizou no Sambódromo do Anhembi um desfile que se destacou pela exuberância plástica. A criatividade no uso...

Rock in Rio e Diogo Nogueira levam projeto do Clube do Samba para o Global Village

Novidade na Cidade do Rock, o Global Village vai emocionar todo o público presente nesta edição que celebra os 40 anos de história do...

Wallace Palhares explica andamento das conversas para construção da Cidade do Samba 2

Presente na festa de premiação do Estrela do Carnaval 2024, no domingo, no Imperator, no Méier, o presidente da Liga-RJ, Wallace Palhares, discursou na...