Pensando em um grande projeto para retomar sua escalada e voltar à Marquês de Sapucaí, a Sociedade Recreativa Lins Imperial vai homenagear Jovelina Pérola Negra no Carnaval 2024. A Verde e Rosa, que vai desfilar na Nova Intendente Magalhães, anunciou seu enredo através das redes sociais e vai levar para a avenida a história de uma das maiores vozes da música brasileira, com desenvolvimento do carnavalesco Eduardo Gonçalves. O Presidente da escola, Flávio Mello, exaltou a representatividade da homenageada, não só para a Lins, mas para a nossa cultura.

“Uma satisfação imensa, pois a Lins está sempre cultuando e exaltando o povo preto, a mulher preta, a dignidade, a cultura e o samba. Que a gente consiga resgatas toda a essência das nossa origens através desse enredo em homenagem a Jovelina, para que possamos realizar um grande carnaval e voltar para a Sapucaí”.

Com o enredo ‘Jovelina, a Pérola Negra do Samba’, a Lins Imperial dá a largada oficial para o desenvolvimento do seu desfile para o Carnaval 2024. Além da permanência do carnavalesco Eduardo Gonçalves e do 1º Casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira, Jackson Senhorinho e Manoela Cardoso, a Verde e Rosa anunciou a contratação dos diretores de harmonia, Charles Lopes e Carlos Portela, e do Mestre Bradock para o comando da bateria ‘A Verdadeira Furiosa’, que estarão juntos desfilando pela Série Prata da Superliga Carnavalesca do Brasil na Nova Intendente.