InícioGrupo EspecialConfiantes, componentes da Império de Casa Verde falam em título na dispersão

Confiantes, componentes da Império de Casa Verde falam em título na dispersão

Cantando Fafá de Belém, escola teve grande desempenho no Anhembi e é apontada por muitos no universo carnavalesco de São Paulo como uma das favoritas à taça

Aclamada por muitos como uma das grandes favoritas ao título do Grupo Especial do carnaval de São Paulo em 2024, a Império de Casa Verde estava bastante confiante na Dispersão logo após o desfile do enredo “Fafá, a Cabocla Mística em Rituais de Floresta”. Em entrevista para o CARNAVALESCO, diversos componentes falaram em título. Confira abaixo as frases coletadas com desfilantes-chave da agremiação.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira

Jessica: “Olha, foi exatamente do jeito que a gente esperou. Na verdade, foi até melhor. A gente ensaiou com um tempo a mais na pista e a gente saiu um pouquinho a menos. Então, deu para sobrar o gás e isso é maravilhoso”

Rodrigo: “Eu estou emocionado demais com o nosso trabalho, entregamos tudo que a gente preparou durante cinco meses. Algumas semanas antes do samba ser revelado a gente já tinha uma ideia. A gente foi encaixando e fizemos várias modificações, mas o grosso do que a gente tinha pensado melhor foi para a passarela. Com a consciência que a gente tem hoje, a gente não faria nada diferente. Pode ser que no próximo ano a nossa consciência vai estar outra e a gente pense em fazer diferente. Mas, hoje, fizemos o nosso melhor”

Leandro Barboza, carnavalesco

“Apresentamos fantasias de muita qualidade hoje. A gente tá super confiante no título, e acho que terça-feira a gente está botando toda nossa energia e a garra dessa mulher para vencer. Acho que o público respondeu ao longo do desfile como um todo, acho que a escola inteira surpreendeu. Mas claro que ver a Fafá encerrar o desfile foi incrível, a energia dela fechando foi incrível, mesmo”

“Eu fiquei arrumando a escola lá no início, então me preocupei em colocar uma escola bem montada. Acho que a gente passou incrível na avenida, a Império a gente já teve elogios aqui na Globo ao final da exibição. Estamos muito confiantes”

Tiguês, diretor de carnaval

“Tivemos um conjunto de alegorias belíssimas, fantasias belíssimas, o samba muito bom, aclamado por todo mundo, cantado pela arquibancada. Acho que a gente fez construir um laço, respeitando, é claro, todas as coirmãs. Mas acho que estamos na briga. O desfile passou tranquilo para caramba, mesmo. A escola vindo muito grande, eu acredito que tenha sido a maior escola que passou em 2024 – e não só de alegoria, mas eu digo de contingente. A gente avalia muito positivamente o desfile desse ano”

Tinga, intérprete

“Um grande samba, um grande enredo! A Império sempre vem com um grande samba, graças a Deus a Império está de parabéns pela comunidade. Mais uma vez a escola fez um grande desfile e mostrou a força do imperiano, da escola, da bandeira. Estava todo mundo contando com muita alegria. Isso é o carnaval! É cantar com muita alegria a nossa cultura”

Mestre Zoinho, mestre de bateria

“Esse ano acho que a gente fez um grande desfile. É tudo que a gente preparou nesse período. A gente conseguiu evoluir e conseguiu representar hoje. Foi um grande estilo da bateria do Império, mais um nesses dezenove anos. Acho que a gente está na briga. A gente fez a nossa parte, a escola veio bem, o samba pegou na arquibancada, estava todo mundo cantando e a bateria conseguiu impulsionar e até levantar a galera – coisa que a gente não viu na sexta-feira”

“A gente só tinha que fazer um acompanhamento do samba – e tudo que a gente fez foi em função do Samba. Impulsionamos o samba para dar esse resultado que você viu. A qualidade foi bastante crescente por conta dos arranjos com uma pegada mais indígena. Era uma coisa diferente, tinha toda essa trama, e foi muito legal. A gente tá muito feliz pelo resultado”

- ads-

Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues assumem Comissão de Harmonia no Arranco

Para o Carnaval 2025, o Arranco contará com uma Comissão de Harmonia formada por Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues. Jackson Carvalho começou sua...

Vizinha Faladeira será homenageada com conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto

No próximo dia 23 de abril, a histórica Associação Recreativa Escola de Samba Vizinha Faladeira, uma das pioneiras no cenário do carnaval carioca, terá...

Jorge Silveira exalta preparação da Mocidade Alegre para ganhar duas categorias no Estrela do Carnaval: ‘São Paulo cada vez mais competitivo’

Em 2024, a Mocidade Alegre foi bicampeã do Grupo Especial do carnaval de São Paulo, conseguindo unir beleza e facilidade de leitura para tratar...