A São Clemente informou na noite desta terça-feira, através das redes sociais, a saída de mestre Caliquinho do comando da bateria. Veja abaixo o comunicado da escola.

Foto: Nelson Malfacini/Site CARNAVALESCO

“Com muito tristeza, mas com muita gratidão que hoje anunciamos a saída super amigável do nosso sempre mestre Caliquinho. Chegou aqui menino, aprendeu e ensinou. Mestre Caliquinho que rufem os tambores para agradecer e desejar a você todo o sucesso do mundo”.

Desde 2011 estava à frente da Fiel Bateria, quando ainda dividia o comando dos ritmistas com mestre Gil, e de 2018 para cá sozinho, mestre Caliquinho é “cria” e até morador do Santa Marta. Em 2022, em entrevista ao site CARNAVALESCO, Caliquinho falou o que representava estar no comando da bateria.

“Representa muita coisa, eu não queria ser, mas quando foi ver, não é que caiu no meu colo, eu fiz por onde para chegar ao mérito de ser mestre e dei continuidade àquele trabalho que ‘os coroas’ que a gente fala, o Tião Belo, ‘Vivi’, Renatinho, dei continuidade no trabalho que eles deixaram. A minha referência sempre foi o Renatinho. O Renatinho foi mestre de bateria, não sei se todo mundo sabe, durante 19 a 20 anos. Minha maior referência foi ele”, disse Caliquinho.