InícioGrupo EspecialPaes defende a ciência, vacinação em massa no Rio e determinações do...

Paes defende a ciência, vacinação em massa no Rio e determinações do Comitê Científico

De acordo com o comitê, apenas 0,1% dos casos avaliados no município é grave, o que demonstra claramente a eficácia das vacinas na prevenção de casos graves e de mortes

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, foi perguntado sobre o carnaval 2022, na manhã desta quinta-feira, e, mais uma vez, explicou que ainda é cedo para ter uma posição sobre os desfiles. Ele defendeu a ciência, a maioria das pessoas vacinadas na cidade e disse respeitar as determinações do Comitê Científico.

Foto: Alexandre Macieira/Prefeitura do Rio

“O carnaval vamos tratar no carnaval. Temos que entender que vivemos outro momento da pandemia. Temos que acreditar na ciência. A vacina evita o agravamento da doença. Você não pode lidar depois de ter a maioria das pessoas vacinadas como se não estivessem vacinadas. Respeito sempre as determinações do Comitê Científico”, citou Paes, em entrevista para a TV Globo.

Benefícios da imunização

O comitê de especialistas que assessora a prefeitura no enfrentamento à covid-19 destacou os benefícios da imunização. De acordo com o comitê, apenas 0,1% dos casos avaliados no município é grave, o que demonstra claramente a eficácia das vacinas na prevenção de casos graves e de mortes. “Neste momento já há evidência epidemiológica para afirmar que grupos vulneráveis vacinados, assim como os idosos que têm mais comorbidades, apresentam quadros de síndrome gripal mais leve com a nova variante. Os dados analisados expressam que os pacientes internados têm status vacinal inversamente proporcional à proteção plena, e que os óbitos ocorrem 30 vezes mais entre os não vacinados”, diz a súmula da reunião.

O comitê também reforçou a recomendação de uso obrigatório de máscaras em locais fechados e nos meios de transporte, assim como o início da vacinação das crianças.

De acordo com os pesquisadores do Observatório Covid-19, o número de internações em UTI hoje ainda é predominantemente muito menor do que aquele observado em 2 de agosto do ano passado, por exemplo, quando leitos começavam a ser retirados, mas ressalta que o grande volume de casos já está demandando de gestores atenção e o acionamento de planos de contingência.

As unidades de saúde ainda estão com boa capacidade de atendimento no estado. A taxa de ocupação dos leitos de enfermaria está em 8% e a de unidade de terapia intensiva (UTI) exclusiva para tratamento da covid-19 está em 10,4%.

Na capital fluminense, o monitoramento realizado pela prefeitura mostra que, apenas ontem, foram registradas 1.088 novas ocorrências de covid-19. Neste ano já foram confirmados 37.447 casos da doença, dos quais 81 evoluíram para quadros graves. Quatro pessoas morreram.

Mais testes

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro (SES) vai ampliar, a partir de amanhã (14), a oferta de testes rápidos de antígeno nos nove centros abertos especificamente para este fim. E no sábado (15) será aberto mais um polo de testagem, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Colubandê, em São Gonçalo, na Região Metropolitana.

Com isso, a capacidade vai passar de 3 mil para 5,8 mil testes realizados por dia. O exame deve ser marcado pelo site da Secretaria Estadual de Saúde (SES). A agenda ficará disponível para os dois dias seguintes e a marcação é pessoal e intransferível.

O teste de antígeno é indicado para quem está com sintomas leves ou teve contato com pessoa que testou positivo. Pacientes com sintomas moderados a graves, como febre acima de 37,5 e dificuldades respiratórias, devem procurar diretamente uma UPA ou emergência hospitalar.

Além do Colubandê, os polos de testagem do estado ficam no Hospital Estadual Dr. Ricardo Cruz (HERCruz), em Nova Iguaçu; no posto do Iaserj do Maracanã; no Estádio de Atletismo Célio de Barros, também no Maracanã; e junto às UPAs de Bangu, Campo Grande II e Jacarepaguá, na Zona Oeste, e Tijuca, Penha e Marechal Hermes, na Zona Norte.

O secretário Alexandre Chieppe, informou que deve ampliar a capacidade para 8 mil testes diários a partir da próxima semana, com a chegada de mais 2,1 milhões de testes do tipo antígeno para distribuir aos municípios.

- ads-

Conheça o enredo da União da Ilha para o Carnaval 2025

A União da Ilha anunciou o enredo para o Carnaval 2025. O carnavalesco Marcus Ferreira será o responsável pelo desfile. Veja abaixo a publicação...

Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues assumem Comissão de Harmonia no Arranco

Para o Carnaval 2025, o Arranco contará com uma Comissão de Harmonia formada por Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues. Jackson Carvalho começou sua...

Vizinha Faladeira será homenageada com conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto

No próximo dia 23 de abril, a histórica Associação Recreativa Escola de Samba Vizinha Faladeira, uma das pioneiras no cenário do carnaval carioca, terá...