Depois de obter a melhor colocação na história para uma escola que foi a segunda de domingo, em 2019, a Viradouro aguarda o sorteio para os desfiles de 2020 nesta quinta. Com a segurança em seu projeto de carnaval, o presidente Marcelinho Calil revela que não prefere nenhum dia e o que vier a escola vai fazer um grande carnaval.

“Eu não tenho na cabeça essa questão por preferência de dia. Considero que a Viradouro tem de estar (e estará) preparada para desfilar em qualquer dia ou posição, como fizemos em 2019. Sou muito supersticioso. Vou para a avenida com o terço na mão. No dia do sorteio deixo a cabeça tranquila e serena, e conto com a força do cara lá de cima. Mas o mais importante mesmo é o trabalho feito nos outros 364 dias do ano”, avisa.

Para um dos diretores de carnaval, Dudu Falcão, a segunda-feira é o dia preferencial, mas o que a escola fez no domingo este ano pode quebrar o paradigma de preconceito contra as agremiações que desfilam entre as primeiras da primeira noite.

“Segunda-feira sempre será a nossa preferência e acho que de todos. Referente à ordem, ser a terceira ou quarta nos agrada. Fazer um desfile relativamente mais cedo faz com que não haja um desgaste do nosso componente que vem de Niterói. O lado de concentração importante também, alguns projetos alegóricos dependem muito do lado para saber sua viabilidade, o viaduto de fato limita algumas ações de montagem de alegoria, por isso não é nossa preferência, porém a logística com o componente se tornou mais fácil no lado do Balança. Ambos os lados têm suas vantagens e desvantagens, cabe a escola se adaptar e tirar melhor proveito do lado que for iniciar o desfile. Acreditam sempre que as notas são dadas com comparação, por isso que depositam na segunda-feira a possibilidade de melhor resultado, mas com o bom resultado da Viradouro em 2019 que desfilou domingo e sendo a segunda escola essa realidade ficou um pouco na berlinda. Logo seria leviano de minha parte dizer que influencia, cabe a mim acreditar que não influencia e depositar nos juramos a competência na hora de dar sua nota sem se influenciar na questão da escola ter passado recentemente diante dele”, finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui