A Inocentes de Belford Roxo já tem uma nova rainha de bateria. Malu Torres, professora de pilates e bailarina, foi escolhida pelo presidente Reginaldo Gomes, que bateu o martelo na manhã desta sexta-feira.

Foto: Divulgação/Inocentes de Belford Roxo

“Fiquei impressionado com a história dessa filha da Baixada Fluminense, que como as personagens que homenageamos no nosso enredo, teve força e coragem para transformar a sua realidade e vencer na vida. Malu para mim é um exemplo dessas mulheres empoderadas, que fazem com a força do seu trabalho o impossível se tornar possível, sem perder a sensibilidade, beleza e feminilidade. Seja bem-vinda rainha”, disse o presidente da Inocentes de Belford Roxo, Reginaldo Gomes. A coroação da rainha acontecerá, no dia 4 de dezembro, na quadra de ensaio da agremiação em Belford Roxo.

Ela, desde criança, sonhava em ser rainha de bateria e ficava fascinada com a dança de Soninha Capeta, quando ia com sua tia aos ensaios da Beija-Flor. A menina se tornou bailarina, professora de dança de salão e migrou para os Estados Unidos. Em 2019, participou do concurso de rainha de samba no Arizona, quando a amiga Egili Oliveira a convidou para ser musa em uma escola de samba do Rio de Janeiro em 2020, sendo convidada em seguida também, pelo coreógrafo Marcelo Chocolate. E assim, desfilou como musa na Vigário Geral e Santa Cruz. Ao pisar no Sambódromo veio a vontade de ser rainha de bateria e no último carnaval desfilou à frente dos ritmistas da Acadêmicos do Sossego. Perfeccionista, já está se preparando com o coreógrafo Allan Carvalho, para fazer um belíssimo reinado.

“Vou realizar mais um grande sonho que é desfilar como rainha, na Inocentes de Belford Roxo, uma agremiação da minha Baixada Fluminense. Quase morri de emoção quando fui convidada pelo presidente Reginaldo Gomes para assumir esse posto tão honroso. Prometo vestir com amor as cores do pavilhão vermelho, azul e branco. Minha bateria Cadência da Baixada, mestre Juninho e comunidade, os meus respeitos”, comentou a nova rainha de bateria da Inocentes de Belford Roxo, Malu Torres.

O enredo da Caçulinha da Baixada para o próximo desfile é “Mulheres de barro”, desenvolvido pelo carnavalesco Lucas Milato. Que conta a história das artesãs produtoras de panelas de barro, de Goiabeiras, do Estado do Espírito Santo. A escola de samba belforroxense será a 8ª escola a desfilar na Marquês de Sapucaí, no sábado de carnaval, pela Série Ouro, da Liga-RJ.