O carnaval de 2022 foi cheio de novidades, a começar pelas datas, já que os desfiles foram adiados de fevereiro para abril, em decorrência da covid-19. As escolas de samba voltaram para a Avenida, após dois anos de pandemia e apresentaram um carnaval de altíssimo nível. Até a apuração mudou de dia e, neste ano, aconteceu numa terça-feira ensolarada. Espaço onde são lindas as notas estava decorado, foi montado um pódio relevante para os campeões e também o estilo dos troféus mudou. O diretor de marketing da Liesa, Gabriel David falou ao CARNAVALESCO sobre a apuração:

“Evoluiu e tem mais para evoluir, a gente conversou com a tv Globo para dar uma limpada e não ter tanta gente em volta das mesas. Fica mais arrumado, facilita o trabalho da imprensa e não fica todo mundo espremido, lógico que vai ter gente ficando chateada, já que tem menos pessoas perto do palco, mas faz parte. A minha parte é essa, reorganizar”, explicou.

Sobre os desfiles, Gabriel também falou das novidades vistas na Sapucaí para o carnaval de 2022, como a nova iluminação que dividiu opiniões no mundo do samba. O diretor espera que as escolas se apropriem do recurso para utilizarem nos desfiles do próximo ano.

“Iluminação foi boa e o nosso objetivo é que as escolas comecem a se apropriar desse recurso, a gente deve ter mais mudanças para carnaval de 2023, mas este ano tivemos um carnaval de altíssimo nível e isso mostra um pouco do trabalho que foi feito na liga para gerar um planejamento financeiro mais interessante para as escolas, ao ponto de chegar na apuração sem poder dizer quem seria a campeã do carnaval”, afirmou.

Para os próximos passos da Liesa, que está sob nova gestão, Gabriel disse que o sambista pode esperar mudanças nos eventos previstos para o carnaval de 2023.

“Todos os eventos já programados na Liga, a gente pode esperar mudanças, como no lançamento dos sambas, lançamento de enredos, sorteio da ordem dos desfiles para 2023. Sempre vamos analisar cada situação, mas a ideia é abranger novos públicos e priorizar o sambista”, relatou.

Gabriel, que também tem grande ligação com a Beija-Flor de Nilópolis, aproveitou para parabenizar a Grande Rio, que foi campeã do carnaval e saudar a baixada fluminense.

“Salve a Baixada Fluminense, a Baixada é foda. Temos que falar sobre isso”, comemorou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui