InícioGrupo EspecialEscolas do Grupo Especial vão ter que definir seus sambas finalistas até...

Escolas do Grupo Especial vão ter que definir seus sambas finalistas até o fim de agosto

Entenda como está o processo de disputa de samba em cada agremiação do Grupo Especial do Rio

O projeto dos programas especiais da TV Globo para os anúncios dos sambas-enredo das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro para o Carnaval 2022 despertou a curiosidade de todos os apaixonados pelos desfiles das agremiações. O presidente da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), Jorge Perlingeiro, anunciou na noite de segunda-feira, em entrevista ao site CARNAVALESCO, a novidade e a aprovação dos representantes das doze agremiações.

A São Clemente ainda não divulgou sinopse do enredo sobre o humorista Paulo Gustavo. Foto: Magaiver Fernandes

Entre todas escolas do Especial, apenas a São Clemente é a única que ainda não entregou sinopse do enredo sobre o humorista Paulo Gustavo, e, consequentemente, não abriu seu concurso de samba-enredo. Até o fim de agosto todas 12 escolas vão ter que levar três parcerias para suas finais nos programas da TV Globo. O processo até essa etapa ficará totalmente sob responsabilidade e modelo de cada agremiação, lembrando ainda que elas precisam fazer quatro lives para atenderem o edital da Lei Aldir Blanc e do Fundo Estadual de Cultura do Rio, que dará R$ 150 mil para essas ações do carnaval carioca.

Os programas na televisão aberta, ou seja, na própria TV Globo, estão previstos para o mês de setembro, podendo pegar também o início de outubro. Segundo Jorge Perlingeiro, a emissora de TV fará quatro programas e mais um especial já com todos os sambas escolhidos para os desfiles de 2022.

As definições gerais e regras para a etapa final ainda vão ser fechadas entre a TV Globo e a Liesa, sempre com o aval de todas agremiações. O site CARNAVALESCO apurou que existe a possibilidade dos programas acontecerem nas tardes de sábado, mas ainda dependem da confirmação da emissora que decidirá os dias e os horários. É possível que os próprios intérpretes das agremiações cantem os sambas finalistas no dia da escolha.

Confira abaixo como está cada disputa:

Viradouro: Recebeu 19 sambas. Começa nesta terça-feira sua fase de eliminatórias por live.

Grande Rio: São 17 obras concorrentes. Ainda não divulgou o calendário.

Mocidade: São 9 sambas concorrentes. Ainda não divulgou o calendário.

Beija-Flor: Possui oito obras na disputa. Eliminatória acontece sempre na quinta-feira.

Salgueiro: Liberou alterações nas obras concorrentes. São 20 concorrentes. Volta a disputa em agosto, ainda sem data divulgada.

Mangueira: São 26 sambas concorrentes. Ainda não divulgou o calendário.

Portela: São 13 obras concorrentes. Volta a disputa em agosto. Ainda não divulgou o calendário.

Vila Isabel: Possui 16 obras concorrentes. Ainda não divulgou o calendário de disputa.

Unidos da Tijuca: São 11 sambas concorrentes. Ainda não divulgou o calendário.

São Clemente: Ainda não divulgou sinopse do enredo e como será o concurso de samba.

Paraíso do Tuiuti: Alterou o enredo e aguarda os sambas concorrentes. Volta a disputa em agosto, no dia 6.

Imperatriz Leopoldinense: Possui nove obras na disputa. Eliminatória acontece sempre no domingo.

- ads-

Ao vivo: sorteio da ordem dos desfiles do Grupo Especial do Rio

https://www.youtube.com/watch?v=OPepqf6oZ_4

Primeiro casal da Mocidade Independente de Padre Miguel tem nova coreógrafa para o Carnaval 2025

A Mocidade Independente de Padre Miguel anunciou nesta quinta-feira (23) a contratação de uma nova coreógrafa para o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira,...

Em busca do bi da Viradouro, Julinho espera repetir encerramento dos desfiles, enquanto Priscilla Mota não tem posição preferida

Campeã do Carnaval de 2025, a Viradouro vem em busca do bicampeonato. Com enredo já anunciado, a escola quer agora saber em que posição...