InícioGrupo EspecialEnsaios do Grupo Especial na Sapucaí serão transmitidos com mega estrutura e...

Ensaios do Grupo Especial na Sapucaí serão transmitidos com mega estrutura e Milton Cunha no comando

A temporada de ensaios técnicos das escolas de samba do Grupo Especial na Marquês de Sapucaí será transmitida ao vivo pelo Youtube graças a uma mega estrutura preparada pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa). Os treinos começam neste domingo e vão acontecer até o dia 12 de fevereiro — com a tradicional lavagem da pista de desfiles no dia 11. Tudo poderá ser acompanhado por foliões do Brasil e do mundo inteiro pela internet.

Foto: Divulgação

Essa será a segunda vez que a entidade registra os treinos em tempo real com o auxílio da produtora audiovisual Fitamarela, especializada no mercado do samba, e do apresentador Milton Cunha (também comentarista de Carnaval da TV Globo). A parceria repete o sucesso do ano passado, quando internautas assistiram aos ensaios em 534 mil pontos de acesso com média de três pessoas conectadas ao evento em cada um deles, na estimativa da Liesa.

“Vamos seguir focados no valor cultural das escolas de samba, nas pessoas que fazem parte delas e no público que comparece em peso à Sapucaí”, diz Milton, em referência à entrada gratuita no evento: “É uma oportunidade única de conectarmos os apaixonados pela festa”.

Como na última vez, Milton acompanhará as passagens das escolas pela Avenida diretamente do início dela, no Setor 3 — na estreia, vão se apresentar Paraíso do Tuiuti (20h30m) e Império Serrano (22h). Conectado ao âncora, estará o time de repórteres formado por Vivi Martins, Laíza Bastos e Mariana Moreno, todas ligadas à folia o ano inteiro.

Equipe e tecnologia reforçados

Ao todo, cerca de 30 profissionais integram o time responsável pela criação de conteúdo e suporte técnico da transmissão. Arthur Pereira, da Fitamarela, o responsável pela tecnologia que leva o público a uma imersão no “Templo do Samba”, detalha a amplitude do projeto.

Segundo ele, serão utilizadas 10 câmeras de vídeo (uma delas alocada num drone, que pode chegar a até 50 metros de altura); duas gruas com até 6 metros de altura e 800 metros de cabos para a circulação de imagens. Os microfones para a captação de áudio das baterias e das repórteres são todos sem fio para evitar acidentes com os componentes.

“A temporada de 2022 nos ajudou a entender ainda mais sobre o Sambódromo e os desafios que uma pista de desfiles de 700 metros impõe a uma transmissão desse porte. Agora, teremos equipamentos ainda mais sofisticados e modernos “, diz Arthur Pereira.

Quem quiser assistir aos ensaios deve acessar e se inscrever no canal do Rio Carnaval no Youtube (https://www.youtube.com/@riocarnaval_oficial). Nos desfiles oficiais, em 19 e 20 de fevereiro, a Globo será a responsável exclusiva pela transmissão do espetáculo para a TV.

- ads-

União do Parque Acari anuncia renovação de Cida Lima e novo reforço para direção de carnaval

A União do Parque Acari está a todo vapor preparando-se para o Carnaval de 2025, e as novidades não param de chegar. A agremiação...

Multivacinação movimenta dia de ações sociais no Salgueiro

No último sábado, a quadra do Acadêmicos do Salgueiro, localizada na Rua Silva Teles, no bairro do Andaraí, foi palco de uma importante iniciativa...

Marcus Ferreira é o novo carnavalesco da União da Ilha

Após a reeleição do presidente Ney Filardi, no domingo, a União da Ilha anunciou a contratação do carnavalesco Marcus Ferreira, que estava em 2024...