InícioGrupo EspecialEm novo local, Porto da Pedra realiza ensaio de rua com forte...

Em novo local, Porto da Pedra realiza ensaio de rua com forte desempenho do samba-enredo e da bateria

Tigre ensaiou no bairro do Bandeirantes, com grande presença do público local

A Unidos do Porto da Pedra realizou, na noite do último sábado, o seu quarto ensaio de rua rumo ao carnaval de 2024. Ao invés das ruas do Centro de São Gonçalo, onde tradicionalmente ocorrem os ensaios, o Tigre ensaiou no bairro do Bandeirantes, com forte presença do público local. O elogiado samba-enredo da Vermelha e Branca, alinhado a um ótimo desempenho do carro de som comandado por Wantuir e a bateria Ritmo Feroz, de Mestre Pablo, foram destaques no ensaio que durou aproximadamente 1 hora e 10 minutos. Para o Carnaval 2024 a Vermelha e Branca levará para a avenida o enredo: “O Lunário Perpétuo: A Profética do Saber Popular”, desenvolvido pelo carnavalesco Mauro Quintaes, que celebrará o saber popular utilizando o “Lunário Perpétuo”, seus ensinamentos e desdobramentos, como guia precioso.

Fotos: Gabriel Gomes/CARNAVALESCO

“A Porto da Pedra não é uma escola só do bairro Porto da Pedra, ela representa todo o município de São Gonçalo. A vinda para cá, para um outro polo de São Gonçalo, que é o Alcântara, acho que foi muito positivo. Acho que o presidente vai fazer outros ensaios aqui porque foi muito produtiva e positiva a resposta do público”, explicou o diretor geral de harmonia, Amauri de Oliveira.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira

O casal de mestre-sala e porta-bandeira da Unidos do Porto da Pedra, Rodrigo França e Denadir Garcia, apresentaram grande desempenho no ensaio de rua da escola. A dupla apostou em uma roupa em tons de bege, com Rodrigo utilizando uma blusa com estampa de “Tigre”. Mesmo no primeiro ano de parceria, a dupla já demonstra total entrosamento e cumplicidade na dança.

Durante sua apresentação, Rodrigo e Denadir apostaram em uma leve coreografia, com uma mescla de elementos tradicionais da dança com passos alusivos à letra do samba-enredo da Porto da Pedra. Em determinados momentos, como quando a bateria realizava a “paradinha do forró”, o casal fazia passos do ritmo.

Samba-Enredo

Um dos grandes destaques da noite, o samba-enredo da Porto da Pedra, de autoria de Guga Martins, Passos Júnior, Gustavo Clarão, Lucas Macedo, Leandro Gaúcho, Clairton Fonseca, Richard Valença, Gigi da Estiva, Abílio Jr., Marquinho Paloma, Cristiano Teles e Ailson Picanço, confirmou, mais uma vez, sua qualidade e bom desempenho no ensaio de rua da escola. A obra, com sua característica leve e alegre, deu o tom de todo o ensaio da Vermelha e Branca.

O desempenho da obra foi impulsionado pela condução do intérprete Wantuir e todo seu carro de som. O refrão principal do samba, “Quarto minguante, a moringa quase seca/Maré virou, virou luar!/Tem alambique pra beber na quarta-feira/Okê, caboclo! Tempo bom vem pra ficar!/Quarto minguante, a moringa quase seca/Maré virou, virou luar!/Tem alambique pra beber na quarta-feira/Faltava o tigre pro Lunário completar!”, foi fortemente cantado pela comunidade gonçalense e conquistou o público que acompanhou o ensaio na Praça dos Bandeirantes. “O mais importante hoje foi o lado festivo, para a comunidade, trazer toda a comunidade de São Gonçalo. O ensaio foi maravilhoso, o samba é sensacional, a bateria é um escândalo e vamos embora para a avenida. Tecnicamente, não foi possível tirar muita coisa porque aqui é totalmente diferente da Sapucaí. Foi muito bom, foi maravilhoso”, salientou o intérprete Wantuir.

Evolução

A evolução da Unidos do Porto da Pedra pela Estrada do Raul Veiga se deu de maneira leve e fluída. Apesar de um trecho do ensaio ter uma ladeira, a animação dos componentes da Vermelha e Branca superou qualquer obstáculo. A escola inicou seu ensaio às 20h58 e terminou por volta das 22h15, sem grandes sustos. A passagem das alas do Tigre não apresentou nenhum buraco, nem mesmo com a entradas e saídas da bateria dos dois recuos montados ao longo da pista.

Harmonia

Impulsionada pelo bom desempenho do samba-enredo, a Harmonia da Porto da Pedra teve bom desempenho na noite do último sábado. As alas da escola, dos mais diferentes setores, apresentaram bom canto e mostraram total domínio da letra do samba da Vermelha e Branca de São Gonçalo. Do início ao final da escola, era possível perceber o forte canto das alas.

O carro de som, comandado pelo intérprete Wantuir, contribuiu, de maneira excelente, para o bom ensaio da escola. O refrão principal do samba e o trecho em que se repete “Quem acendeu as lamparinas desse céu” foram muito cantados pela comunidade. No quesito, a se destacar o forte canto da ala de baianas, que portava uma roupa nos tons da escola.

“Me surpreendeu positivamente porque é uma logística completamente diferente de onde a gente já está acostumado, mas a comunidade veio em massa, a escola gradativamente canta mais. A cada ensaio, a escola canta mais. O ensaio foi muito positivo, muito mesmo. Mais uma vez, me surpreendeu positivamente e a escola está em uma crescente muito grande e a tendência agora é só esperar mesmo o nosso dia 11 de fevereiro, dia do desfile para a gente poder fazer o que tem que ser feito”, comentou Amauri de Oliveira.

Outros Destaques

Comandado por mestre Pablo, a bateria Ritmo Feroz, da Unidos do Porto da Pedra, foi um show à parte no ensaio da escola nas ruas do Bandeirantes. Mesmo sem a presença de todos os ritmistas, a bateria fez apresentação e contribuiu para o bom desempenho de outros quesitos da escola, como Harmonia e Samba-Enredo. No ensaio, a “Ritmo Feroz” não economizou nas bossas, com uma que, inclusive, emulava o ritmo do forró. Em certos momentos, no início do samba, “Olhe pro céu onde a Lua vagueia” até “Porto da Pedra no meu coração”, a bateria realizava um “apagão”.

“Estamos ensaiando exatamente o que vamos fazer na avenida para não ter surpresas. Teve paradinha, paradão, tudo que tem direito. Na avenida, vai ser um show como os jurados querem ver e o público da Marquês de Sapucaí merece”, resumiu Mestre Pablo, em entrevista ao site CARNAVALESCO.

A rainha de bateria da escola, Tati Minerato, esteve presente no ensaio, com uma bela roupa preta de renda e uma rosa na cabeça. A artista demonstrou toda sua simpatia e elegância para o público presente.

Sem presenças dos componentes da Comissão de Frente, a Velha-Guarda da Unidos do Porto da Pedra foi responsável por abrir o ensaio e apresentar a escola ao público presente.

- ads-

Orgulho do Brasil! Carnaval 2024 do Rio trouxe R$ 5 bilhões para cidade, movimentou 8 milhões de pessoas e gerou 50 mil empregos

Em coletiva na sede da Riotur, na manhã desta quarta-feira, a Prefeitura do Rio, através da Riotur, apresentou os expressivos números do Carnaval 2024...

Igor Sorriso é o novo intérprete do Salgueiro

O Salgueiro anunciou nesta quarta-feira a contratação do intérprete Igor Sorriso. Veja abaixo o comunicado da escola. "Com coração transbordando emoção anunciamos a chegada do...

Mangueira anuncia renovação dos intérpretes para o Carnaval 2025

A Estação Primeira de Mangueira anunciou na tarde desta quarta-feira a renovação dos cantores Marquinhos Art Samba e Dowglas Diniz para o Carnaval 2025....