A Liesa decidiu mudar o formato da produção do CD do Grupo Especial. Depois de 10 anos realizando gravações de bases de bateria e coro ao vivo na Cidade do Samba, para o Carnaval 2020 o álbum será produzido exclusivamente em estúdio.

A primeira vez que o CD foi produzido no formato ao vivo foi em 2010. Sempre com gravações na Cidade do Samba, abertas ao público, viraram autênticos eventos na Fábrica de Sonhos. O modelo dividia opiniões. De um lado aqueles que defendiam que tecnicamente a gravação ficava comprometida, de outro aqueles que apontavam a espontaneidade e o calor das comunidades como diferenciais do projeto.

O site CARNAVALESCO apurou que as próprias escolas já desejavam uma mudança no modelo de produção. As gravações na Cidade do Samba representavam um gasto para as agremiações, que precisavam investir em transporte e alimentação para seus componentes.

O álbum do Grupo Especial é um dos produtos mais tradicionais do mercado fonográfico brasileiro. Produzido ininterruptamente desde 1968, resiste à crise do mercado de CDs e é sempre um dos mais comercializados no período entre dezembro e janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui