InícioGrupo EspecialCompositores falam da emoção e expectativa de disputar final de samba-enredo no...

Compositores falam da emoção e expectativa de disputar final de samba-enredo no Tuiuti

Eli Penteado, Cláudio Russo e Igor Leal fazem parte das parcerias finalistas na agremiação de São Cristóvão

Nesta sexta-feira, dia 07 de outubro, o Paraíso do Tuiuti escolherá o samba-enredo que será o seu hino oficial para o próximo carnaval, a obra escolhida terá a missão de retratar o enredo “Mogangueiro da cara preta”, da dupla de carnavalescos Rosa Magalhães e João Vitor Araújo. * OUÇA AQUI OS SAMBAS FINALISTAS

Foto: Site CARNAVALESCO

O site CARNAVALESCO conversou com representantes das três parcerias finalistas no concurso para saber o que representa chegar até a final e também para que cada um possa destacar o que mais gosta em seu samba. * VOTE AQUI E APONTE QUAL PARCERIA É FAVORITA PARA VENCER

Parceria de Eli Penteado: “Representa muito estar aqui, é algo imensurável porque você participar de uma final em qualquer que seja a agremiação já é ótimo, numa escola como a Tuiuti, que tem uma qualidade muito grande, que já teve um vice-campeonato, uma escola com uma gama de sambas muito bons, haja vista que nos últimos anos a disputa tem sido muito acirrada, no bom sentido é claro, sempre leva a melhor obra para a Marquês da Sapucaí e acredito que esse ano com as três obras que tem, ela não vai fazer diferente”.

Parte favorita: “Geralmente são os refrões, dessa vez nós optamos por fazer dois refrões e um bis, o bis que antecede, que é o pré-refrão tem o grande chamariz, é manada do Tuiuti que foi a pegada que a parceria conseguiu trazer a comunidade nessa frase, mas todo o corpo do samba foi feito de forma dissertativa e também metafórica, isso facilitou muito para que pudéssemos chegar a consenso dentro dessa obra”.

Parceria de Claudio Russo: “O Tuiuti já se tornou a minha casa, desde 2016 quando a subiu com boi mansinho, depois em 2018 quando a gente conseguiu o vice-campeonato. Eu me sinto muito feliz de estar aqui, é uma escola de família, de comunidade, estar em mais uma final é uma honra, um orgulho, que vença o melhor”.

Parte favorita: “O “é lá, é lá, é lá” a gente trouxe uma cantiga lá da Ilha de Marajó,pra lembrar o carimbó do Marajó e se Deus e a gente sair vencedor, vai dar muita possibilidade para a bateria criar bossas e fazer um swing bem legal”.

Parceria de Igor Leal: “É uma final muito importante, o Tuiuti é uma escola que ultimamente vem com grandes sambas, dá pra lembrar do ano que ela foi vice-campeã e aquele samba foi fundamental para o sucesso do desfile, foi um desafio muito grande fazer um samba para uma escola que tem um histórico tão bom de sambas, essa foi a nossa ideia, fazer um grande samba para fazer a escola chegar na parte de cima do carnaval.

Parte favorita: “Quando eu faço samba eu gosto muito de comunicar com o público da Sapucaí, então eu acho que o refrão principal, na parte que fala “joga o laço nesse boi, que esse boi é Mogangueiro, da cara preta feito o povo brasileiro”, eu acho que essa parte é a essência do povo do brasileiro, esse enredo é isso e eu acho que conseguimos captar”.

- ads-

Darlin Ferratty é a nova rainha de bateria da Inocentes de Belford Roxo

A Inocentes de Belford Roxo anunciou nesta quinta que Darlin Ferratty é a nova rainha de bateria para o Carnaval 2025. Veja abaixo a...

Com lema de ‘ser feliz’, casal da Dragões comemora prêmio de ‘Melhor Casal de SP em 2024’

O casal Rubens de Castro e Janny Moreno é sinônimo de simpatia na avenida, assim como são nas entrevistas com a imprensa. Com um...

Paraíso do Tuiuti realiza feijoada no dia de São Jorge

O feriado pelo dia de São Jorge será de celebração na quadra do Paraíso do Tuiuti. Na próxima terça-feira, 23, a partir das 14h,...