InícioGrupo EspecialCompositor da Mangueira morre um dia após vencer disputa de samba

Compositor da Mangueira morre um dia após vencer disputa de samba

Ele assina o samba-enredo da Mangueira para o desfile do ano que vem com os compositores Moacyr Luz, Pedro Terra e Bruno Souza

O compositor Leandro Almeida, um dos autores do samba-enredo da Estação Primeira de Mangueira para o Carnaval de 2022, morreu nesta quarta-feira, um dia após ser consagrado como campeão na disputa da Verde e Rosa. Ele estava internado, tratando de um câncer no pulmão. O sambista é oriundo do Rio Grande do Sul, um dos autores do samba de Imperadores do Samba de 2017. * OUÇA AQUI O SAMBA DA MANGUEIRA

Ele assina o samba-enredo da Mangueira para o desfile do ano que vem com os compositores Moacyr Luz, Pedro Terra e Bruno Souza. A escola levará para a Avenida o enredo “Angenor, José e Laurindo”, de autoria do carnavalesco Leandro Vieira.

A Mangueira divulgou uma nota. “A Estação Primeira de Mangueira vem comunicar o falecimento do compositor DIONI LEANDRO GOMES DE ALMEIDA, ocorrido na madrugada de hoje 29 de setembro, LEANDRO ALMEIDA em parceria com Moacyr Luz, Pedro Terra e Bruno Souza é compositor do Samba que a Mangueira levará para a Sapucaí no Carnaval 2022. Desejamos muita luz para que ele siga sua caminhada e aos familiares, parceiros e amigos desejamos muita força, fé e a certeza de que ele permanecerá sempre presente em seus corações.”

Leandro recebeu muitas homenagens nas redes sociais. Veja abaixo.

 

- ads-

Festa de premiação do Estrela do Carnaval e Destaques do Ano em São Paulo revela espetáculo das escolas de samba

Por Gustavo Lima e Will Ferreira. Fotos de Fábio Martins/CARNAVALESCO Muitos pensam que toda segunda-feira é um dia frio, triste e melancólico. O último 22...

Mangueira terá Centro Cultural em homenagem a seus poetas

Perto de completar seus 96 anos de vida, a Estação Primeira de Mangueira, berço de grandes poetas que encantam o mundo com suas obras...