“Eu preciso falar de um Brasil que aprendi a moldar com as mãos” são os versos iniciais do samba da Inocentes de Belford Roxo para o carnaval 2023. Neles já está presente a valorização que o enredo pretende dar a contribuição de mulheres, donas de um saber que existe há mais de 2500 anos, utilizado na confecção de panelas. O enredo “Mulheres de barro” está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Lucas Milato. Mais um ano à frente da Cadência da Baixada, mestre Juninho contou o que preparou para a gravação da faixa oficial da Inocentes para o Carnaval 2023.

“Já voltamos a ensaiar constantemente, graças a Deus, a gente conseguiu se preparar para a gravação do samba, eu sempre procuro trabalhar dentro do enredo, dentro do que o samba pede, então haverá sim algumas coisas que marcam o enredo, tem uma batida que é original do tambor de congo, então a gente vai trabalhando bastante, a expectativa está grande”, revela o comandante da Cadência da Baixada.

Mestre Juninho também falou sobre a organização dos ritmistas para o início dos trabalhos visando a preparação para o próximo carnaval.

“Nós estamos ensaiando toda quarta-feira a partir das 20h. É o nosso ensaio de bateria. Às 19h a gente tem escolinha e depois o ensaio. Ficou bastante gente do ano passado, em relação aos ritmistas, mas a gente nunca fecha a porta para ninguém, quem tiver que chegar vai ser recebido da mesma forma, a gente não tem essa vaidade”, afirma mestre Juninho.

O diretor de carnaval Saulo Tinoco, também presente na gravação da escola, revelou como a escola tem se preparado mesmo em um ano atípico com um carnaval terminando mais tarde e impactando no planejamento do próximo.

“É um ano diferente, como o carnaval acabou praticamente em maio, com uns dois meses de atraso, e esses meses a gente normalmente já estava trabalhando, mas está tudo dentro do prazo. Realizamos um ensaio de rua, muito bom, foi uma grata surpresa pelo contingente, pelo número de pessoas que foram ao ensaio. Dentro do organograma de barracão nós estamos iniciando, já limpamos todos os carros, nessa parada que teve fizemos a limpeza, desmontamos tudo, o pessoal de Parintins já chegou para começar as esculturas. Ateliê, protótipo já está tudo pronto praticamente. E dentro do organograma para desfile, para ensaio, para tudo, a escola está em um caminho muito bom. Não vou falar que estamos adiantados, mas não estamos atrasados”, explica Saulo.

A obra da Inocentes para o Carnaval 2023 foi composta por Altamiro, Cláudio Russo, Fadico, Hugo Bruno, Junior Fionda, Leandro Thomaz e Lequinho. O intérprete Thiago Britto, contratado para o próximo carnaval, comentou a preparação que realizou antes de colocar a voz oficial no samba da escola.

“Gravação é o de sempre, como a gente se prepara para a Avenida, tenta descansar. Eu já faço um acompanhamento com a fonoaudióloga Karla Bouças, ela faz um trabalho comigo desde o carnaval de 2015, a gente tenta dar atenção a alimentação antes da gravação, beber bastante água, fazer exercícios, não tem muito mistério. O segredo maior é fazer com amor, fazer com o coração, e deixar Deus sempre a frente de tudo”, entende o cantor.

Sobre o samba, Thiago aposta que a obra será uma das melhores a passar pela Sapucaí em 2023.

“Eu acredito muito no samba como um dos melhores da safra da Série Ouro. Será um dos grandes sambas do carnaval. Devido ao enredo, é como eu sempre falo, um enredo bom vai trazer samba bom. É um enredo super rico, sobre as paneleiras de vitória e tanto em melodia, como em letra, é um samba bem completo. Os refrões são fortes. A cabeça a gente já chega com a valentina que para a última escola, fechar o desfile, acho que os compositores foram bem felizes, me deram a total liberdade de colocar no meu jeito, mudar o que for melhor para mim, o que for melhor para a escola. Vale exaltar os compositores pela forma de trabalhar também”, esclareceu Thiago Britto.

Em 2023, a Inocentes de Belford Roxo vai encerrar a segunda noite de desfiles da Série Ouro.