InícioGrupo EspecialUm banho de axé, pra purificar! Saiba como foi a gravação do...

Um banho de axé, pra purificar! Saiba como foi a gravação do samba-enredo da Unidos da Tijuca para o Carnaval 2023

Com o enredo “É onda que vai… É onda que vem… Serei a Baía de Todos os Santos a se mirar no samba da minha terra”, desenvolvido pelo carnavalesco Jack Vasconcelos, a Unidos da Tijuca pretende levar para a Marquês de Sapucaí as histórias da Baía de Todos os Santos. O samba-enredo escolhido é de autoria dos compositores Julio Alves, Claudio Russo e Tinga. “Um banho de axé, pra purificar/Um banho de axé nas águas de Oxalá/Sou tijucano rompendo quebrantos/Eu canto a baía de todos os santos” são os versos do refrão principal do hino oficial da escola para 2023. O site CARNAVALESCO esteve presente na gravação da faixa para o álbum e pôde acompanhar o que rolou nos bastidores.

Com o samba na boca dos componentes o intérprete da agremiação, Wantuir conta como está sendo a evolução do hino.

“A gente pretende colocar mais um cadinho de pimenta nesse samba. O samba é maravilhoso, não tem muita coisa para mexer. Foi o que ganhou na quadra e o povo gostou daquele jeito. Estamos colocando mais um pouco de alegria”.

Dividindo o microfone com o pai, a intérprete Wic Tavares foi considerada como revelação do carnaval de 2022. Ela também analisa sobre o novo samba e o enredo da escola para o próximo carnaval.

“O samba flui sozinho. A galera que acompanhar a gente vai ver que o samba é alegre, algo que estávamos precisando para o enredo. Junto com ele, vamos mostrar de fato o que o Jack quer transmitir na Sapucaí. O enredo é alegre, pois quando você fala da Bahia e envolve tudo, ela já vem com o dendê, com aquela pegada e axé. Então, o que se pode esperar da Tijuca é ela diferente, alto astral com muito dendê, um pouquinho de pimenta e com o molho da ‘Pura Cadência'”.

Wic também diz que para ela a “Pura Cadência” (bateria da Unidos da Tijuca) é indiscutível. “Temos uma bateria que nos deixa à vontade para cantar, porque ela é pura cadência e para mim é uma das melhores que têm no carnaval”, fala a intérprete.

No comando do carro de som tijucano desde 2019, Wantuir relata as possibilidades que o samba dá para poder cantar.”Do jeito que ele foi ganho na quadra, é como vai ser cantado no disco. Sem mudanças, só com um cadinho de pimenta e dendê”.

Emoção e técnica é algo que está atrelado a todo o processo do pré-carnaval. A intérprete, Wic Tavares deixa claro se o samba possui uma pegada mais técnica ou emotiva.

“Com certeza é os dois. A gente uniu o útil ao agradável nessa gravação. A gravação precisa ter um clima de avenida para quando as pessoas ouvirem, sentir que a Tijuca não está para brincadeira. Vai vir com dendê de novo”.

Planejamento é algo que faz parte do cotidiano de todas as escolas de samba e com a Unidos da Tijuca não é diferente. Diretor de carnaval e harmonia da agremiação, Fernando Costa explica sobre o cronograma de ensaios.

“Agora os ensaios são às quartas. A gente mudou o dia que era todas as quintas, mas tivemos um bom motivo para trocar. Toda quarta-feira às 20h nosso ensaio começa na quadra. Mais para frente nós vamos para a rua”.

Fernando Costa também opinou um pouco sobre o que achou do samba escolhido. “O samba está lindo. Ainda mais com a bateria, mas na gravação da faixa vamos perceber de fato como ficou”.

Comandante da “Pura Cadência”, mestre Casagrande contou ao site CARNAVALESCO sobre o andamento da bateria escolhido para a gravação.

“O andamento está muito bom. Samba muito bem escolhido e prático com uma métrica muito boa. Agora é só ensaiar”.

- ads-

Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues assumem Comissão de Harmonia no Arranco

Para o Carnaval 2025, o Arranco contará com uma Comissão de Harmonia formada por Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues. Jackson Carvalho começou sua...

Vizinha Faladeira será homenageada com conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto

No próximo dia 23 de abril, a histórica Associação Recreativa Escola de Samba Vizinha Faladeira, uma das pioneiras no cenário do carnaval carioca, terá...

Jorge Silveira exalta preparação da Mocidade Alegre para ganhar duas categorias no Estrela do Carnaval: ‘São Paulo cada vez mais competitivo’

Em 2024, a Mocidade Alegre foi bicampeã do Grupo Especial do carnaval de São Paulo, conseguindo unir beleza e facilidade de leitura para tratar...