InícioIntendenteSereno de Campo Grande é grande campeã da Série Prata no Carnaval...

Sereno de Campo Grande é grande campeã da Série Prata no Carnaval 2023

Por Diogo Sampaio e Lucas Santos

O Sereno de Campo Grande foi a grande campeã geral da Série Prata no Carnaval 2023 e estará na Série Ouro, na Marquês de Sapucaí, em 2024. A União de Maricá ficou na segunda colocação geral conquistando também o acesso. A União do Parque Acari foi a terceira colocada geral e conseguiu o lugar na Série Ouro. Foram rebaixadas para Série Bronze: Peixe, Rosa de Ouro, Raça Rubro-Negra, Diversidade, Curicica e São Cristóvão. Mesmo com diversos problemas no desfile, o Cubango mostrou ter quesitos e conseguiu se manter no grupo.

“Ficamos uma década longe da Sapucaí. Batalhamos por 10 anos e reconquistamos nosso lugar, de onde nunca deveríamos ter saído. A comunidade teve muita garra no desfile. Agora, o foco é pensar na estrutura para desfilar novamente na Marquês de Sapucaí. Esperem o Sereno como sempre foi por lá”, disse Carlos Alberto “Galego”, presidente da Sereno de Campo Grande.

Festa do Sereno de Campo Grande. Foto: Lucas Santos/Site CARNAVALESCO

“Foi um conjunto de medidas que tomamos na escola. Agradeço ao prefeito de Maricá. Todos os segmentos fizeram um trabalho árduo. Estamos muito felizes com esse acesso. É a primeira vez que vamos desfilar na Sapucaí. Estou muito emocionado com isso. Projetamos um grande trabalho para o ano que vem. Forte e ir para desfilar bem e quem sabe um dia chegar no Grupo Especial”, comentou Tadeu Marino, presidente da União de Maricá.

Maricá está na Série Ouro em 2024. Foto: Site CARNAVALESCO

O Sereno de Campo Grande foi a quinta escola a desfilar na noite de sábado da Série Prata. A escola apresentou o enredo “As três princesas turcas no reino de pindorama”, desenvolvido pelo carnavalesco Thiago Avis. A comissão de frente do Sereno trouxe um bom resumo do que a escola apresentou na avenida.

Foto: site CARNAVALESCO

Destaque positivo para as três integrantes que interpretaram as princesas do enredo. Assim, a escola buscou apresentar a saga de Mariana, Herondina e Toya Jarina desde as terras Turcas até a praia dos Lençóis. O enredo teve o objetivo de mostrar as três princesas que são cultuadas no Tambor de Mina. Dessa forma, também se buscou mostrar o encontro das crenças dos povos originários.

Décima primeira escola a entrar na passarela da avenida Ernani Cardoso nesta sexta de carnaval, a União de Maricá fez um desfile de muita força e canto. Com o enredo “Eu sigo nordestino”, a escola trouxe em torno de 700 componentes divididos em 18 alas, duas alegorias e um quadripé, e do início ao fim fez um desfile de canto forte e mostrou uma comunidade entusiasmada, além de uma plástica bem concebida e sem falhas visíveis. A A comissão de frente veio representando um típico cordel, com danças de quadrilha. No final da apresentação o tripé se virava e mostrava Luiz Gonzaga tocando seu acordeão para a dança dos integrantes.

Foto: site CARNAVALESCO

Segunda escola a desfilar na primeira noite de desfiles da Série Prata, na Nova Intendente, a União do Parque Acari apresentou o enredo “Uma Doce Ilusão no Mundo da Imaginação”, desenvolvido pelo carnavalesco André Tabuquine. Em 38 minutos, a escola realizou um desfile com destaque para a parte plástica, com um bom conjunto de alegorias e fantasias, a leveza do enredo e a Comissão de Frente.

Foto: site CARNAVALESCO

Coreografada por Adilson Loureiro, a Comissão de Frente da União do Parque Acari representou os “Guardiões do talismã”. Em uma bela roupa, com folhas e galhos de árvores, os bailarinos realizaram uma boa apresentação ao longo da Avenida Ernani Cardoso. Lúdico e divertido, o enredo da União do Parque Acari propunha uma viagem para o portal dos sonhos, no qual a coroa da escola era o passaporte. Guiados pela força da imaginação, as pessoas, no enredo, as pessoas poderiam ver vários mundos, com castelos, feitiços, fadas, duendes, reis e rainhas, bruxas, borboletas e outros seres encantados. Na avenida, a escolha do enredo da escola se provou um acerto. Ao longo dos setores da escola, o carnavalesco André Tabuquine conseguiu traduzir de maneira clara e fácil os elementos da história a ser contado em seu conjunto de alegorias e fantasias.

- ads-

Imperatriz Leopoldinense vai desfilar no Complexo do Alemão neste sábado

Vice-campeã do Carnaval 2024, a Imperatriz Leopoldinense realizará, neste sábado, um desfile para a sua comunidade, no Complexo do Alemão, Zona da Leopoldina do...

Mocidade anuncia novo diretor de carnaval

A Mocidade Independente de Padre Miguel anunciou a entrada de Mauro Amorim para comandar a direção de carnaval da escola no desfile de 2025....

Paulo Serdan comemora chegada da Mancha nas Campeãs, mas aponta críticas em justificativas: ‘Foram um pouco além’

A Mancha Verde conseguiu novamente um lugar no Desfile das Campeãs. Nos últimos seis carnavais a agremiação frequenta o grupo, sendo os últimos quatro...