InícioGrupo EspecialHomenageado na Vila Isabel, Capitão Guimarães exalta enredo sobre Martinho: 'figura mais...

Homenageado na Vila Isabel, Capitão Guimarães exalta enredo sobre Martinho: ‘figura mais marcante desta escola’

Ex-presidente da Vila Isabel e da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), Aílton Guimarães Jorge, o Capitão Guimarães, foi homenageado com seu nome para a quadra da azul e branco

Ex-presidente da Vila Isabel e da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), Aílton Guimarães Jorge, o Capitão Guimarães, foi homenageado pela sua escola de coração, na noite de sexta-feira, ao dar seu nome para a quadra da azul e branco do bairro de Noel. Em seu discurso, ele foi de Charlie Chaplin e até lembrou até de Bob Marley.

“São 17 meses de tristeza (se referindo a pandemia). Hoje, vamos começar 17 anos de alegria. Como disse Chaplin “é saudável sorrir até das coisas mais sinistras da vida. O riso é um tônico, um alívio, uma pausa que permite atenuar a dor”. Estamos fazendo isso, uma pauta na dor, e começando um ciclo de alegria. Talvez, eu não seja a pessoa que mereça a homenagem, mas em 38 anos servi essa casa, direta ou indiretamente. O Bob Marley, independente da genialidade musical, escreveu muita coisa bonita e disse uma vez: ‘Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida’. Vamos fazer as coisas sem aparecer e vedetismo”, afirmou.

Capitão Guimarães lembrou da construção da quadra e citou a administração de Wilson Moisés. “Ele também teve muito mérito, construiu a quadra e foi campeão, mas a fraqueza tomou conta dele e meteu os pés pelas mãos. Foi o Moisés. Não posso deixar de fazer referência para quem construiu essa casa. Lamentavelmente, ele teve muito sucesso com resultados, mas em compensação era um pessoa intratável no relacionamento com todos”.

O ex-presidente da Vila Isabel elogiou a atual administração, comandada por Fernando Fernandes.

“A quadra está bonita. Fruto da administração do Fernando que se esfera. Uma quadra como essa, neste ponto, merece um tratamento acústico, ar-condicionado, enfim, essas coisas que as escolas não tem condições de fazer, senão, não conseguem fazer carnaval. O Perlingeiro e o Fernando pode ir no prefeito e no governador pedir essa ajuda.

Encerrando seu discurso, Ailton Guimarães Jorge falou do Carnaval 2022 da Vila Isabel. “Vamos homenagear a figura mais marcante desta escola, que é o Martinho da Vila. A Vila Isabel apresentará um carnaval maravilhoso, posso garantir isso para vocês. Estive com o Martinho e ele falou que a safra de sambas está maravilhosa e teremos um grande conjunto de fantasias”.

Vice-presidente da Vila Isabel e filho de Aílton Guimarães Jorge, Luiz Guimarães, falou também sobre a homenagem para o pai.

“Tenho certeza que ele está muito feliz, representa muito para essa casa e nada mais justo do que essa homenagem”.

- ads-

Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues assumem Comissão de Harmonia no Arranco

Para o Carnaval 2025, o Arranco contará com uma Comissão de Harmonia formada por Jackson Carvalho, Marcelinho Emoção e Fabão Rodrigues. Jackson Carvalho começou sua...

Vizinha Faladeira será homenageada com conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto

No próximo dia 23 de abril, a histórica Associação Recreativa Escola de Samba Vizinha Faladeira, uma das pioneiras no cenário do carnaval carioca, terá...

Jorge Silveira exalta preparação da Mocidade Alegre para ganhar duas categorias no Estrela do Carnaval: ‘São Paulo cada vez mais competitivo’

Em 2024, a Mocidade Alegre foi bicampeã do Grupo Especial do carnaval de São Paulo, conseguindo unir beleza e facilidade de leitura para tratar...